Meu Marido me Explora Financeiramente. O Que Fazer?
Blog Midas

Meu Marido me Explora Financeiramente. O Que Fazer?

"Meu marido me explora financeiramente. O que fazer?“


O abuso financeiro raramente é reconhecido e, no entanto, é um dos tipos mais comuns de abuso. 


Muitas vezes não é reconhecido, e a forma como se apresenta nos relacionamentos pode ser variada. 

Meu Marido me Explora Financeiramente. O Que Fazer?

O objetivo do agressor é manipular, intimidar e ameaçar a vítima por meio das finanças, a fim de prender a outra pessoa no relacionamento.


É importante saber que o abuso financeiro não é algo que melhora com o tempo. 


Na verdade, muitas vezes aumenta e pode levar a outros tipos de abuso.


Continue lendo, se você se identificar com qualquer um desses padrões de comportamento, você precisa tomar medidas imediatamente.

O que é exploração financeira?

A exploração financeira é um tipo de abuso emocional e pode assumir muitas formas.


Pode incluir usar cartões de crédito sem permissão, fazer dívidas em nome do parceiro e jogar com bens da família.


O seu marido quer te impedir de ter um emprego ou exige que você deixe seu emprego? 


Ele solicita cartões de crédito, obtém empréstimos ou abre contas em seu nome sem seu conhecimento? 


Ele limita o seu acesso a dinheiro ou te dá uma “mesada”?


Se alguma dessas situações acontece no seu relacionamento, você está sofrendo exploração financeira.

5 Dicas para se libertar do abuso financeiro

Cancelar contas conjuntas de banco e cartão de crédito

Cancele todos os cartões em seu nome e abra uma conta bancária individual. 


Se vocês tiverem conta conjunta, entre em contato com o banco e solicite que não permitam movimentações sem o aceite dos dois parceiros.

Verifique seu crédito 

Faça um inventário financeiro, listando bens e dívidas em seu nome. 


Acesse o site do SERASA e verifique se há alguma dívida no seu CPF, anote todas as informações pertinentes para arrumar a sua vida financeira.

Alterar suas senhas

As senhas são chaves para suas informações pessoais nas redes e fora delas. 


Altera a senha dos seus e-mails, contas digitais, smartphones e computadores. 


Se seu marido souber a combinação de login e senha que você usa para acessar seus equipamentos ou contas online, ele terá acesso a todas as suas informações pessoais dessa conta.


Para obter um adicional de segurança, é importante ativar a autenticação de dois fatores sempre que possível.

Reúna seus documentos importantes

Mantenha seus documentos pessoais e financeiros em um local seguro. 


Deixe cópias com um amigo ou parente de confiança ou em um cofre de banco ao qual seu parceiro não tenha acesso.

Obtenha ajuda profissional e de familiares

A exploração financeira é descrita como um tipo de violência patrimonial segundo a Lei Maria da Penha; logo, entre em contato com a Central de Atendimento à Mulher – Ligue 180 e busque orientações.


Fale com os seus familiares e amigos sobre a sua situação, crie uma rede de apoio que lhe dê suporte quando for a horade confrontar a situação.

Exploração financeira é abuso?

O abuso extremo vem em muitas formas, não apenas físicas. 


Muitas pessoas justificam permanecer em relacionamentos abusivos verbalmente, financeiramente ou emocionalmente.


A pessoa se convence de que tudo está bem, desde que seu parceiro ainda não as machuque fisicamente.


Essa mentalidade pode ser extremamente perigosa. 


Se você está em um relacionamento no qual sente que está sendo aproveitado, manipulado ou menosprezado, esses são sinais de um relacionamento tóxico que deve chegar ao fim.


Reconhecer comportamentos tóxicos é muito importante para evitar situações de risco.