Meditação é Pecado?
Blog Midas

Meditação é Pecado?

“Meditação é pecado?” Eu fiz um guia para te ajudar a entender essa prática.


A meditação é praticada há milhares de anos ao redor do mundo por inúmeras pessoas de várias religiões. 


Eu sou cristã e pratico meditação, e percebi que existem muitas pessoas debatendo se meditação é pecado ou não.

Meditação é Pecado?

Escrevi esse guia com o objetivo de deixar bem informado qualquer pessoa que tenha dúvidas sobre o assunto, mas especialmente os leitores cristãos.


Continue lendo, pois há muitas informações interessantes que vão abrir seus olhos para o mundo da meditação.

O que é meditação?

A meditação é uma prática para nos mantermos espiritualmente em forma, concentrando-nos nas verdades espirituais.


Alguém que pratica meditação está trazendo uma consciência para pensamentos, sentimentos e desejos com o objetivo de observação, não julgamento, não reação e compaixão. 


A meditação pode treinar a mente para criar novos caminhos para melhores sentimentos ou comportamentos, como paz e estabilidade.

O que a Bíblia diz sobre meditação?

A Bíblia menciona meditar ou meditar 23 vezes, 19 vezes somente no Livro dos Salmos. 


A meditação na Bíblia é sobre concentração e foco nas verdades espirituais.


Meditar significa ir além do ego e habitar no Espírito para ver o que Ele tem a dizer sobre o que é certo para você. 


A justiça e a verdade de Deus estão dentro de você. 


Jesus nos disse que somos livres para eliminar o intermediário e que podemos encontrar a verdade individualmente com a ajuda do Espírito Santo.

A meditação é perigosa?

A meditação é uma escolha consciente e, se não parecer certa, temos a opção de parar. 


Deus dá a todos o livre-arbítrio para fazer suas próprias escolhas, embora, de acordo com a Bíblia, Ele queira que todos escolham amar a Cristo.


Os cristãos meditam em Cristo, assim como os budistas meditam em Buda. 


Saber por quê, em quem ou no que você está meditando faz a diferença para cada indivíduo.


Mas isso o colocaria em perigo? Não. A prática da meditação não pertence a nenhuma religião específica.

Como usar a bíblia para meditar?

A meditação bíblica é: ponderar, contemplar e pensar profundamente sobre as escrituras encontradas na Bíblia.


Quando você medita na palavra de Deus, você pensa profundamente sobre o que cada versículo, promessa ou história significava quando foi escrito e o que isso pode significar para sua vida hoje. 


Isso nos dá uma maior compreensão de como podemos aplicar a palavra em cada situação de nossas vidas.

A meditação é saudável?

A meditação pode te dar uma sensação de calma, paz e equilíbrio que pode beneficiar tanto seu bem-estar emocional quanto sua saúde geral.


A meditação pode nos aproximar de nossa humanidade. 


Isso nos ajuda a ver como todos somos falhos, o que aumenta nossa capacidade de ter compaixão pelos outros.


E esses benefícios não terminam quando sua sessão de meditação termina. 


A meditação pode ajudá-lo a ter mais calma ao longo do dia e pode ajudá-lo a controlar os sintomas de certas condições médicas.

A meditação é pecado?

Não, a meditação não é pecado, nunca foi e nunca deve ser considerada como tal. 


Os cristãos são livres para explorar as verdades espirituais guiadas pelo Espírito de Deus.


A meditação é um caminho para experimentar e conhecer verdades espirituais.


Você pode sentir a união entre Cristo e seu próprio coração. 


Esta prática nunca fez mal a ninguém, longe disso, você se sente renovada e revigorada com o amor divino e isso te ajuda a sair e amar os outros.